Conjugação do verbo "Craindre" em francês

A língua francesa é conhecida pelo seu rico sistema de conjugação, em que os verbos mudam de forma dependendo de vários factores, como o tempo verbal, o estado de espírito e o sujeito. Um desses verbos que segue este padrão é o "craindre", que significa "temer" ou "ter medo". Neste artigo, vamos explorar a conjugação do verbo "craindre" em vários tempos e modos.

 

Presente do Indicativo

No presente do indicativo, "craindre" conjuga-se da seguinte forma:

- Je crains (Tenho medo)
- Tu crains (Tu tens medo)
- Il/elle/on craint (Ele/ela/um tem medo)
- Nous craignons (Temos medo)
- Vous craignez (Tu tens medo)
- Ils/elles craignent (Eles temem)

 

Imperfeito do Indicativo

O imperfeito do indicativo é usado para descrever acções em curso ou habituais no passado. A conjugação de "craindre" neste tempo verbal é a seguinte:

- Je craignais (Eu tinha medo)
- Tu craignais (Tu costumavas ter medo)
- Il/elle/on craignait (Ele/ela/uma pessoa costumava ter medo)
- Nous craignions (Nós tínhamos medo)
- Vous craigniez (Tu tinhas medo)
- Ils/elles craignaient (Eles costumavam ter medo)

 

Futuro simples

Para exprimir acções que irão acontecer no futuro, pode utilizar o tempo futuro simples de "craindre", que se forma da seguinte forma:

- Je craindrai (Eu temerei)
- Tu craindras (Tu terás medo)
- Il/elle/on craindra (Ele/ela/um temerá)
- Nous craindrons (Nós temeremos)
- Vous craindrez (Tu terás medo)
- Ils/elles craindront (Eles terão medo)

 

Condicional

O modo condicional é utilizado para exprimir acções hipotéticas ou incertas. A conjugação de "craindre" no modo condicional é a seguinte

- Je craindrais (Eu teria medo)
- Tu craindrais (Tu terias medo)
- Il/elle/on craindrait (Ele/ela/um temeria)
- Nous craindrions (Nós teríamos medo)
- Vous craindriez (Tu terias medo)
- Ils/elles craindraient (Eles temeriam)

 

Subjuntivo

O modo subjuntivo é utilizado para exprimir dúvida, desejo ou incerteza. A conjugação de "craindre" no modo subjuntivo é a seguinte

- Que je craigne (Que eu temo)
- Que tu craignes (Que tu temes)
- Qu'il/elle/on craigne (Que ele/ela/um teme)
- Que nous craignions (Que nós tememos)
- Que vous craigniez (Que vós temeis)
- Qu'ils/elles craignent (Que eles temem)

 

10 frases de exemplo com a palavra "craindre"

Aqui estão 10 exemplos de frases com a palavra "craindre" em diferentes tempos gramaticais:

  1. Je crains les araignées. (Tenho medo das aranhas.) - Presente do Indicativo
  2. Tu craignais l'obscurité quand tu étais enfant. (Tu tinhas medo do escuro quando eras criança) - Imperfeito do Indicativo
  3. Il craindra les conséquences de ses actes. (Ele temerá as consequências dos seus actos) - Futuro simples
  4. Elle craindrait de perdre son emploi. (Ela temeria perder o emprego.) - Condicional
  5. Nous craignons que cela n'arrive. (Tememos que isso possa acontecer.) - Subjuntivo Presente
  6. Vous craigniez de prendre la mauvaise décision. (Tinhas medo de tomar a decisão errada.) - Subjuntivo Imperfeito
  7. Ils craignent que le temps ne se gâte. (Eles temem que o tempo fique mau.) - Subjuntivo Presente
  8. Le médecin a dit qu'elle avait craint pour sa santé. (O médico disse que ela temia pela sua saúde) - Pretérito Perfeito do Indicativo
  9. Nous craindrions de ne pas réussir l'examen. (Teríamos medo de não passar no exame.) - Condicional
  10. Elles ont craint le pire lors de l'accident. (Eles temeram o pior durante o acidente.) - Pretérito Perfeito do Indicativo

 

Resumo

Conjugar o verbo "craindre" em francês pode parecer complexo no início, mas com a prática, torna-se mais fácil. É essencial compreender os diferentes tempos e estados de espírito em que este verbo pode ser utilizado, pois permite-lhe exprimir várias nuances de medo ou apreensão. Quer esteja a falar de medos presentes, apreensões passadas, incertezas futuras ou situações hipotéticas, dominar a conjugação de "craindre" é uma etapa crucial para se tornar proficiente em francês. Por isso, pratique estas conjugações regularmente para melhorar as suas competências linguísticas e utilizar "craindre" com confiança em diferentes contextos.